Pregnancy and bad breath

Gravidez e
mau hálito

Gravidez e mau hálito

A gravidez é uma época maravilhosa da sua vida que, infelizmente, tem uma certa tendência para vir acompanhada de alguns efeitos secundários nada maravilhosos. Para além das queixas habituais de enjoos matinais, cansaço e alterações de humor, há uma forte ligação entre a gravidez e o mau hálito. Como geralmente o mau hálito vem da boca, torna-se ainda mais importante cuidar dos dentes e ir ao dentista para uma limpeza profunda e uma revisão durante a gravidez. A boa notícia é que com uma higiene oral correcta e um elixir eficaz, o mau hálito é uma consequência da gravidez que pode ser prevenida.

Qual a razão do mau hálito durante a gravidez?

As flutuações hormonais que acompanham a gravidez podem transformar a sua boca num terreno fértil para a formação da placa bacteriana, uma camada fina de bactérias que produzem gases sulfurados ao decompor as partículas de alimentos que ficam entre os seus dentes. Estes gases são percecionados como mau hálito. Se as bactérias não forem eliminadas, a placa pode provocar gengivite da gravidez ou inflamação das gengivas. A produção da placa bacteriana é estimulada por duas características comuns da gravidez: os desejos de certos alimentos e o hábito de comer com muita frequência. Para agravar ainda mais a situação, as hormonas e a desidratação durante a gravidez podem afectar os níveis de saliva e provocar boca seca, o que, por sua vez, torna mais fácil a formação de colónias de bactérias. Os enjoos matinais também podem afectar o seu hálito, uma vez que o odor dos ácidos do estômago e dos alimentos parcialmente digeridos tende a permanecer na boca.


Há alguma coisa a fazer em relação ao mau hálito durante a gravidez?

Quer esteja grávida ou não, um hálito fresco pressupõe uma boa higiene oral. Vá ao dentista ou higienista fazer uma limpeza aos dentes de seis em seis meses e fale com o seu dentista, se estiver preocupada com o seu hálito ou a sua saúde oral. Se tiver enjoos matinais, enxagúe a boca com água depois de vomitar para eliminar as bactérias que possam ter ficado na boca. Talvez seja também aconselhável limitar os alimentos e bebidas que causam mau hálito durante a gravidez (por exemplo, alho, cebola, alimentos muito condimentados, café e bebidas açucaradas).