Menopause and bad breath

Menopausa e
mau hálito

Menopausa e mau hálito

Talvez reconheça os afrontamentos, o aumento de peso e os períodos menstruais irregulares como os sintomas mais comuns da menopausa. Mas sabia que a menopausa e o mau hálito também estão associados? Na verdade, as flutuações hormonais podem afectar a flora oral1 e constituir um risco acrescido de cáries dentárias, doenças das gengivas e mau hálito. Pode parecer uma injustiça, mas isso significa que as mulheres têm de vigiar mais a sua saúde oral do que os homens, especialmente durante a menstruação, a puberdade, a gravidez e a menopausa.

Causas do mau hálito durante a menopausa

Quando os seus níveis hormonais começam a flutuar, a produção de saliva é afectada e, por sua vez, isso pode provocar boca seca. Isto é mau para a sua saúde oral, pois a saliva ajuda a limpar a boca e a libertá-la das bactérias. Se permitir que as bactérias se acumulem na sua boca e que se forme a placa bacteriana, geralmente é inevitável que venha a ter mau hálito. Durante a menopausa, a densidade óssea também começa a diminuir mais rapidamente e isso afecta os seus maxilares, podendo levar ao aparecimento de cáries dentárias e mau hálito.


Como prevenir o mau hálito durante a menopausa?

Não há forma de escapar à menopausa – mas pode prevenir o mau hálito. Faça uma limpeza aos dentes com um profissional de seis em seis meses ou, pelo menos, uma vez por ano e fale com o seu dentista, se estiver preocupada com o seu hálito ou a sua saúde oral. Uma boa higiene oral é fundamental para se sentir confiante em relação ao seu hálito durante a menopausa. Se for habitual ter a boca seca, aconselhe-se com o seu médico sobre alguns produtos que criam saliva artificial. Se não tem a certeza se tem ou não mau hálito, este rápido auto-teste pode ajudá-la a descobrir. 

1 Krejci, Charlene B. / Bissada, Nabil F. Women's Health: Periodontitis and its Relation to Hormonal Changes, Adverse Pregnancy Outcomes and Osteoporosis. Oral Health Prev Dent, 10 (2012), No. 1, Page 83-92